Peroba-rosa

 

Nome científico: Aspidosperma polyneuron Müll. Arg., Apocynaceae.

 

Outros nomes populares: amargoso, peroba, peroba-açu, peroba-amarela, peroba-do-sul, peroba-mirim, peroba-rajada.

 

Nomes internacionais: peroba rosa (ATIBT,1982; BSI,1991).

 

Ocorrência:
• Brasil: Mata Atlântica, Bahia, Espírito Santo, Góias, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo.
• Outros países: Argentina, Paraguai.

 

Face TangencialFace RadialFotomacrografia (10x) 

 

CARACTERÍSTICAS GERAIS

 

Características sensoriais: alburno indistinto, cerne róseo quando recém cortado passando a amarelo-rosado com o tempo, uniforme ou com veios mais escuros; sem brilho; cheiro imperceptível e gosto ligeiramente amargo; densidade média; moderadamente dura ao corte; grã direita ou revessa; textura fina.

Descrição anatômica macroscópica:
• Parênquima axial: invisível mesmo sob lente.
• Raios: visíveis apenas sob lente no topo e na face tangencial; finos; poucos.
• Vasos: visíveis apenas sob lente, pequenos; muito numerosos; porosidade difusa; solitários predominantes, vazios, às vezes obstruídos por óleo-resina.
• Camadas de crescimento: individualizadas por zonas fibrosas tangenciais mais escuras.

Fonte: (IPT,1983; IPT,1989a) 

 

DURABILIDADE / TRATAMENTO

 

Durabilidade natural: As informações disponíveis na literatura são controversas em relação à durabilidade natural do cerne de peroba-rosa.Observações feitas pelo IPT em exame de estruturas de cobertura, complementadas por ensaios de laboratório, permItem considerar esta Madeira como de moderada resistência aos cupins e com baixa a moderada resistência aos fungos apodrecedores.Dormentes dessa Madeira, sem tratamento preservante, apresentam uma vida útil média de seis anos. (IPT,1989a) A peroba-rosa é susceptível ao ataque de perfuradores marinhos. (Lopez,1982) 

Tratabilidade: Apresenta baixa permeabilidade às soluções preservantes. (IPT,1989a) 

 

CARACTERÍSTICAS DE PROCESSAMENTO

 

Trabalhabilidade: A Madeira de peroba-rosa é moderadamente fácil de ser trabalhada, porém pode apresentar certa dificuldade quando ocorre grã revessa. Permite bom acabamento e é fácil de colar. (Chudnoff,1979) 

Secagem: Na secagem em estufa, a ocorrência de rachas é baixa, entretanto, podem ocorrer empenamentos. (Chudnoff,1979) 

 

PROPRIEDADES FÍSICAS

 

Densidade de massa (r):
• Aparente a 15% de umidade (rap, 15): 790 kg/m³
• Básica (rbásica): 660 kg/m³

Contração:
• Radial: 4,0 %
• Tangencial: 7,8 %
• Volumétrica: 13,1 %

Resultados obtidos de acordo com a Norma ABNT MB26/53 (NBR 6230/85). 
Fonte: (IPT,1989a) 

 

PROPRIEDADES MECÂNICAS

 

Flexão:
• Resistência (fM):
      Madeira verde: 88,2 MPa
      Madeira a 15% de umidade: 103,8 MPa
• Limite de proporcionalidade - Madeira verde: 35,6 MPa
• Módulo de elasticidade - Madeira verde: 9248 MPa

Resultados obtidos de acordo com a Norma ABNT MB26/53 (NBR 6230/85). 
Fonte: (IPT,1989a) 

Compressão paralela às fibras:
• Resistência (fc0):
      Madeira verde: 41,6 MPa
      Madeira a 15% de umidade: 54,4 MPa
• Coeficiente de influência de umidade: 3,8 %
• Limite de proporcionalidade - Madeira verde: 27,9 MPa
• Módulo de elasticidade - Madeira verde: 11739 MPa

Resultados obtidos de acordo com a Norma ABNT MB26/53 (NBR 6230/85). 
Fonte: (IPT,1989a) 

Outras propriedades:
• Resistência ao impacto na flexão - Madeira a 15% (choque): 23,3
• Cisalhamento - Madeira verde: 11,9 MPa
• Dureza janka paralela - Madeira verde: 6776 N
• Tração normal às fibras - Madeira verde: 8,1 MPa
• Fendilhamento - Madeira verde: 0,9 MPa

Resultados obtidos de acordo com a Norma ABNT MB26/53 (NBR 6230/85). 
Fonte: (IPT,1989a) 

 

USOS

 

Construção civil:
• Pesada externa:
      dormentes ferroviários
      cruzetas
• Pesada interna:
      tesouras
      vigas
      caibros
• Leve em esquadrias:
      batentes
      janelas
      venezianas
      portas

Assoalhos:
      tábuas
      tacos
      parquetes

Mobiliário:
• Utilidade geral:
      móveis rústicos
      carteiras escolares

Outros usos:
      transporte
      peças encurvadas ou curvadas
      embalagens

 

Fontes:

http://www.ipt.br/informacoes_madeiras3.php?madeira=25